Tipos de intercâmbio: 10 principais e como escolher o seu?

09/05/2022
Kumon Brasil
Compartilhe:

Foto de dois estudantes, um negro e um branco. Há vários tipos de intercâmbio, e todos são ótimas formas de trocar conhecimentos.

Você sabia que existem vários tipos de intercâmbio? Apesar de muita gente associar esta experiência somente aos estudos ou a uma idade mais jovem, a verdade é que há opções para todos os gostos.


Portanto, se você sonha em morar fora do país por um tempo e vivenciar de perto uma cultura diferente, saiba que isto é possível em qualquer idade e com os mais variados objetivos. 


Seja para fazer uma especialização acadêmica, trabalhar ou se aperfeiçoar em um idioma, ter este tipo de vivência é algo inesquecível. E ao contrário de outras viagens, a bagagem que você vai trazer na volta continua com você pela vida toda!


Ficou animado? Então continue lendo para saber melhor o que é intercâmbio, quais são os tipos de intercâmbio cultural e como escolher qual é o mais adequado para você.


Estudando pelo método Kumon você aprende um novo idioma e conhece melhor a cultura do país para onde quer viajar. Visite nosso site e saiba mais!


Leia mais:


O que é intercâmbio?


Antes de nos aprofundamos em quais são os tipos de intercâmbio, é importante entender melhor o que é essa experiência com a qual tanta gente sonha.


Fazer intercâmbio é morar em outro país por um tempo, adquirindo novos conhecimentos e vivendo na prática uma cultura diferente. Neste processo o aluno aprende outra língua, melhora sua escrita, aprimora habilidades acadêmicas e profissionais e pode até exercer um trabalho voluntário.


Como funciona o intercâmbio?


Entender como funciona o intercâmbio é mais simples do que parece. Apesar disso, existe uma ideia errada de que, para poder fazer uma viagem dessas, é necessário ter uma idade determinada, ser fluente em outro idioma ou ter muito dinheiro.


A boa notícia é que tudo isso não passa de mito. Se antigamente esta experiência estava relacionada à troca de residência entre dois estudantes de países diferentes, com objetivos educacionais, hoje o funcionamento do intercâmbio é bem mais simples.


Basicamente, durante um intercâmbio a pessoa mora por um tempo em outro país, onde pode estudar, trabalhar ou realizar um voluntariado. No tempo livre entre as atividades é possível absorver a cultura local, conhecer a cidade e realizar diversas outras atividades.


Tipos de intercâmbio: conheça os 10 principais


Os tipos de intercâmbio podem ser agrupados em quatro grandes categorias: de ensino médio, de idiomas, acadêmicos e profissionais.


Além de a idade ser um fator importante em cada uma delas, também é fundamental compreender seus objetivos para escolher a modalidade que trará mais benefícios para você.


A seguir, confira quais são os tipos de intercâmbio cultural e descubra qual é o mais adequado para o seu momento de vida.


High School


Este é um dos programas de intercâmbio mais conhecidos quando se fala em “estudar fora do país”.


O intercâmbio High School é ideal para quem está no ensino médio e tem entre 14 e 19 anos de idade. Nesta modalidade, o aluno frequenta a escola normalmente, como faria aqui no Brasil, porém em outro país.


Isto permite que, ao mesmo tempo em que pratica e aperfeiçoa um idioma, você tenha contato com a cultura e os costumes locais, faça amizades e conviva com adolescentes da sua idade.


Neste caso, é comum que o intercambista more na casa de uma família pelo período em que fizer o intercâmbio, ou em um alojamento para estudantes (isso mesmo, igualzinho aos que você costuma ver nos filmes).


Toda essa experiência tem um custo por ano ou semestre, que pode variar bastante de acordo com o local escolhido. Por isso, vale a pena considerar vários países que falam inglês, por exemplo, antes de fazer a sua escolha.


Au pair


Foto de bebê sendo alimentado por uma mulher. O au pair é um dos tipos de intercâmbio em que é possível trabalhar como babá.


Você sabe o que é intercâmbio au pair? Se você é mulher e tem entre 18 e 26 anos, preste bastante atenção porque trata-se de uma modalidade bem interessante para quem quer viver uma experiência fora do país.


Isso porque esse é um dos tipos de intercâmbio que, além de custar menos em relação a outras modalidades, ainda envolve trabalho remunerado. 


No au pair, a intercambista trabalha como babá (daí a preferência quase exclusiva por mulheres) na casa de uma família. O trabalho é regulamentado pelo governo e envolve levar e buscar as crianças na escola, fazer a alimentação e a higiene, participar de passeios, entre outras funções.


Trabalho e estudos


Entre todos os tipos de intercâmbio, este é o mais indicado para quem deseja estudar em um período e trabalhar no outro. Mas fique atento, pois nem todos os países permitem essa modalidade.


Como você precisará trabalhar, o ideal é que embarque para esse intercâmbio com algum conhecimento do idioma do país para onde vai. Neste caso, um curso intensivo pode ajudar bastante.


Essa modalidade é muito legal para quem deseja aperfeiçoar seus conhecimentos em outra língua e ao mesmo tempo ter recursos para viajar, passear e conhecer mais a fundo a cultura de um lugar diferente. 


Graduação


Este é para quem sempre sonhou em estudar em uma universidade internacional. Para fazer o ensino superior no exterior é preciso passar por algumas etapas:


  • Completar o Ensino Médio no Brasil.

  • Conhecer o idioma usado no país onde fica a universidade.

  • Comprovar este conhecimento por meio de um exame como TOEFL ou IELTS.


Mesmo cumprindo todos estes requisitos, ainda é preciso torcer para ser aceito pela instituição para a qual você está se candidatando.


Para saber melhor o que é intercâmbio de graduação e como funciona este processo, dê uma olhadinha nos casos da Rebeca e da Isadora, alunas concluintes do Kumon que realizaram o sonho de estudar em uma universidade fora do Brasil.


Cursos de especialização


Ao pensar no mercado de trabalho, há dois itens que fazem toda a diferença em um currículo: ser fluente em inglês e possuir uma pós-graduação.


Cursar uma especialização, mestrado, doutorado ou MBA em outro país é um dos tipos de intercâmbio que mais podem ajudar a catapultar sua carreira.


Trata-se de uma ótima forma de adquirir mais conhecimentos em sua área de atuação ao mesmo tempo em que ganha fluência na língua.


Trabalho voluntário


Nem todos os tipos de intercâmbio têm como foco o mercado de trabalho ou a experiência acadêmica. 


Para muitas pessoas, ir para outro país é uma maneira de melhorar o nível de proficiência em um idioma e ao mesmo tempo vivenciar outra cultura da forma mais profunda possível: fazendo a diferença.


Nesta modalidade o intercambista alia o aprendizado à participação em algum tipo de projeto social que inclua, por exemplo, crianças, idosos, animais ou pessoas carentes.


Internship e trainee


Depois de terminar a graduação, chega o momento de colocar em prática tudo o que você aprendeu. 


Se o seu objetivo é fazer isso fora do país, então a modalidade de intercâmbio para estágio ou trainee é uma ótima ideia para você.


E vale a pena, viu? Este é um dos tipos de intercâmbio mais valorizados pelas empresas. 


Treinar sua fluência no idioma e adquirir novos conhecimentos profissionais em uma organização internacional abre muitas portas, faz toda a diferença na hora de realizar uma entrevista em inglês, valoriza seu currículo e leva a muitas oportunidades profissionais no Brasil e em todo o mundo.


Curso de idiomas


Foto de grupo de jovens tirando selfie. Saiba como funciona o intercâmbio e escolha a melhor opção.


Se o seu maior objetivo é colocar seus conhecimentos em outra língua em prática, saber como funciona o intercâmbio de idiomas é algo que vai ajudá-lo a atingir seus objetivos.


Essa modalidade é muito legal porque, além de colocar você em contato com a cultura de outro país, permite que isso seja feito em períodos menores, de no mínimo duas semanas.


Ou seja, você não precisa se comprometer por um semestre, um ano ou até mais, dependendo do tipo de intercâmbio escolhido.


A ideia aqui é viajar, passear, visitar pontos turísticos e fazer uma breve imersão em outra cultura, praticando bastante seus conhecimentos enquanto socializa e se diverte!


Profissional


O conceito de lifelong learning é muito apreciado no mercado profissional. Em resumo, ele se refere à atitude de sempre continuar aprendendo coisas novas e se atualizando.


Entre todos os tipos de intercâmbio, o profissional é o que está ligado mais diretamente a essa habilidade.


Nele, você treina o idioma e relaciona-se culturalmente de forma muito parecida com a de outros tipos de intercâmbio. A diferença, porém, é estar inserido em um ambiente de trabalho.


Isso valoriza o networking e coloca o aluno diretamente em contato com o vocabulário, termos técnicos e expressões características de sua área de atuação. 


50+ (terceira idade)


Quem disse que os programas de intercâmbio são só para jovens?


Há inúmeros tipos de intercâmbio, para todas as idades! Nesta modalidade, as turmas são formadas por pessoas de países diferentes, com a mesma faixa etária e a mesma disposição para seguir aprendendo e se divertindo.


É a opção ideal para quem passou dos 50 e quer aliar entretenimento, socialização, cultura e a prática de um idioma.


Por que conhecer os tipos de intercâmbio antes de viajar?


Bom, agora você já tem uma boa ideia de quais são os tipos de intercâmbio cultural. Mas por que é importante conhecê-los antes de viajar?


Como você percebeu, existem modalidades que precisam de regulamentação pelo governo local do país em questão, além de idades específicas, exigências particulares e durações variadas.


Ao conhecer os tipos de intercâmbio e se aprofundar naquele que melhor atende às suas necessidades, você poupa o trabalho de enfrentar imprevistos e evita surpresas desagradáveis.


E isso vai muito além do preço! Escolher um intercâmbio que tem a ver com suas necessidades, vontades e momento de vida é o segredo para aproveitar ao máximo esta experiência e voltar com lembranças para a vida toda na bagagem.


Como saber qual tipo de intercâmbio é para mim?


Foto de jovem ruiva em dúvida sobre como escolher programas de intercâmbio.

Diante de tantos tipos de intercâmbio, ficou difícil escolher aquele que é o ideal para você?


Tudo bem, nós entendemos, afinal todas as opções trazem vantagens e características incríveis. Entretanto, é preciso considerar com bastante calma quais são os seus objetivos e o que você deseja para escolher a melhor modalidade.


Uma boa forma de começar é fazendo algumas perguntas para você mesmo:


  • Quanto tempo tenho disponível para ficar fora do país?

  • Possuo os recursos para custear o intercâmbio integralmente ou precisarei recuperar uma parte do investimento trabalhando?

  • O que quero com esta experiência?


Assim que estes pontos estiverem bem claros para você, é hora de escolher a melhor modalidade de intercâmbio e começar a se preparar para viver esta experiência inesquecível!


Aproveite ao máximo seu intercâmbio! Visite a unidade Kumon mais próxima e saiba como aprender um novo idioma em seu próprio ritmo.


Conclusão


Conta pra gente: você sabia que existiam tantos tipos de intercâmbio assim antes de ler este artigo?


Pois é, há muitas possibilidades para quem deseja passar um tempo fora do país e aperfeiçoar seus conhecimentos em outro idioma, ao mesmo tempo em que adquire novas habilidades e conhece mais profundamente uma nova cultura.


Pode ser para trabalhar, estudar, ir para a escola ou para a universidade. Para jovens e para a terceira idade. Por anos ou apenas semanas. As opções são muitas, e com certeza alguma delas é perfeita para você.


Agora que você já sabe como funciona o intercâmbio e tem conhecimento para escolher qual é o mais adequado para você, que tal contar com o Kumon e começar a se preparar para essa experiência incrível?

Artigos relacionados

Receba conteúdos exclusivos do Kumon
Aceita receber informações do Kumon?
Política de privacidade
Para garantir ainda mais transparência em como usamos seus dados pessoais aqui no Kumon, nós atualizamos nossa Política de Privacidade. Caso queira consultá-la, clique aqui. Utilizamos cookies para garantir a melhor experiência no nosso site. Ao continuar a navegar neste site, você concorda como o seu uso. Para saber mais sobre o uso de cookies, clique aqui.