Do Kumon de Inglês para a Universidade de Harvard

11/02/2019
Kumon Brasil Kumon
Compartilhe:

Já imaginou estudar na melhor universidade do mundo? Essa será a realidade de Johnatan Gonçalves, de 21 anos, em 2019. Ele cursa Medicina na FMUSP – Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo, e foi aprovado para um intercâmbio de pesquisa na Harvard University.

 

O FMUSP – Harvard Research Program – é um programa de intercâmbio entre a melhor universidade da América Latina, a USP, e a melhor universidade do mundo, a Harvard University. O processo seletivo é composto de três fases: análise de currículo, carta escrita em inglês e entrevista, também em inglês, com os professores de Harvard.

 

Como já dá para imaginar, o fato de ser aluno concluinte do Kumon de Inglês fez toda a diferença nessa conquista de Johnatan.

 

"Ter concluído a disciplina de inglês no Kumon foi fundamental. Não apenas pela aquisição do conhecimento em estrutura linguística, gramatical e de vocabulário, importante na escrita da carta, mas também pelo trabalho com minha autoconfiança desde quando era mais novo, essencial para uma boa entrevista."

- Johnatan

Muito além do domínio da língua

 

A mãe de Johnatan, Sonia, diz que o filho sempre gostou de ouvir músicas em inglês, e que ele desejava saber o que as letras diziam. Além disso, Johnatan sonhava em viajar muito e conhecer o mundo.

 

Muito prática, Sonia disse ao filho ele que deveria estudar bastante para poder bancar todas essas viagens no futuro, além de saber inglês para se comunicar no exterior – e para entender as letras das músicas de que gostava também. Os dois visitaram algumas escolas, e Johnatan se decidiu pelo Kumon.

 

"Foi uma decisão acertada! A metodologia Kumon incentivou seu autodidatismo e fez com que ele partisse de um interesse legítimo por algo simples, como uma música, para se tornar uma pessoa mais autoconfiante. Quando eu percebi, ele já entendia todas as letras das canções favoritas e lia livros inteiros em inglês."

- Sonia

 

Muito mais que o domínio da língua inglesa, Sonia notou independência por parte do filho nos estudos depois da conclusão do Kumon. Ela conta que ele começou a criar a própria rotina, a almejar sonhos, como o de cursar Medicina, e a traçar seu caminho profissional. Quando Johnatan contou que queria estudar em Harvard, ela ficou surpresa. A surpresa se tornou alegria quando o filho chegou em casa dizendo que havia conseguido a aprovação.

 

Dicas para o vestibular da FUVEST

 

Durante sua formação no Kumon, Johnatan desenvolveu a habilidade de fazer leitura crítica. Teve contato com textos originais, de maneira autônoma, o que instigou sua curiosidade, potencializou a capacidade de interpretação e tornou o convívio com a literatura científica na faculdade algo natural e fluido.

 

Ele diz que estudar pelo Kumon foi fundamental para seu excelente desempenho nos vestibulares. Além de gabaritar todas as provas de Inglês, o método o ajudou a desenvolver o autodidatismo para dedicar-se a matérias em que tinha mais dificuldade, como História e Geografia.

 

Para quem vai prestar o vestibular esse ano, Johnatan dá algumas dicas para obter tanto sucesso quanto ele.

 

1. Ter disciplina no estudo e revisar todas as matérias, não somente aquelas em que se tem facilidade.

2. É fundamental dar importância ao Português e ao Inglês, pois as duas disciplinas, juntas, compõem quase 1/4 da prova.

3. Treinar escrita de redação.

4. Revisar provas antigas e resolvê-las como simulados.

5. Manter a calma no dia da prova e trabalhar a autoconfiança. 


Tags: kumon, método, aprendizado, inglês

Artigos relacionados

Receba conteúdos exclusivos do Kumon
Aceita receber informações do Kumon?
Política de privacidade